terça-feira, 27 de julho de 2010

CONESCO 2010: O Universo de Guimarães Rosa

Instalação sobre Grande Sertão: Veredas,
produzida por Bia Lessa no Museu da Língua Portuguesa (São Paulo) em 2006

o sertão é sem lugar; é dentro da gente; é do tamanho do mundo.”

Esse ano teremos como objeto temático de nossos projetos o "universo roseano". Buscaremos através desse universo, redefinirmos o olhar sobre os diversos sertões. A temática foi estruturada a partir de contos de Guimarães Rosa que nos servirão como guia durante todo o desenvolvimento e abordagem das atividades propostas ao longo do ano.

Guimarães se dedicou, com grande sensibilidade, a narrar as pessoas e os lugares do sertão. Através de suas narrativas, vislumbramos cada espaço descrito como se lá estivéssemos. Frases fortes e carregadas de tantas outras intenções. Ele recria a linguagem sertaneja. Recria, cria, resgata e transforma as muitas e novas formas de dizer sobre o sertão. Guimarães foi único. E a Tarefa 2010 é reviver a vida e a obra de Guimarães Rosa.

O universo do SERTÃO de Guimarães também será revivido pelos alunos do Oficina através da construção de instalações (em várias partes da escola) e pela decoração das salas, que serão devidamente ambientadas para receber os palestrantes dia 31/07.

Os projetos de construção das instalações e das ambientações das salas estão sendo discutidos nas aulas, onde os alunos têm a chance de expressar suas idéias e construir trabalhos que dialoguem com os temas propostos. Esses trabalhos serão executados pelos próprios alunos dia 30/07 pela tarde, momento dos preparativos finais para o CONESCO 2010.


Vamos lá! Mãos à obra!


Quer saber mais sobre o tema instalação? Clique aqui e aqui.

2 comentários:

O - Fi - Ci - Na De Cor - Del disse...

Caríssima Ludmilla, descobri o blog como ferramenta pedagógica em 2007 e desde então procuro divulgar o trabalho dos alunos na internet. Prefiro chamar de 'blogfólio'. O seu tem uma apresentação caprichada e profissional, visual lindo, condizente com o tema: Arte na educação. Esse é o caminho, nossos alunos se entregam mais, ou até demais, quando a arte está presente. Interessante e necessário, principalmente pela possibilidade de intereção, ainda pequena na rede pública, mas chegaremos num patamar em que os alunos sentirão necessidade de interferir nas práticas e no currículo, só assim teremos uma revolução na educação. Parabens pelo seu empenho em divulgar os trabalhos de arte da sua escola. Essa proposta de instalaçôes nas salas com o tema sertão é sensacional. Sobrando um tempo visite os blogs: oficinadecordel.blogspot.com e teatrodopescador.blogspot.com.
abreijos a todos.
jotacê freitas

Ludmila disse...

Jotacê,

seus blogs também são muito interessantes! Ainda bem: agora tenho uma plataforma de pesquisa sobre CORDEL!!! Em breve, as fotos da sua palestra do Conesco estarão por aqui....Ah! Coloquei seus dois blogs na lista aqui do "Artes no Oficina", ok? Olha lá!
grande abraço

Postar um comentário